quinta-feira, 2 de abril de 2009

Vilão, herói ou humano?



São Paulo e Guaratinguetá protagonizaram hoje um jogo que tinha tudo pra passar despercebido. Jogo de meio de semana em "horário ruim", válido pelo Campeonato Paulista - sem o brilho de outros tempos, onde os jogos de bastidores não ficavam tão evidentes e o campeonato em si também tinha maior relevância e competitividade.
Adicione a isso o fato de Dagoberto estar na pior das fases. É banco de Borges, todo mundo sabe, e só tá jogando porque o "gengiva" tá contundido. Mais uma vez tinha tudo pra sair vaiado e ser considerado o pior em campo, fominha, sem visão de jogo, não saber concluir a gol, etc. Mas uma coisa Dagoberto tem: Vontade de vencer! Nunca ninguém poderá dizer que ele fez corpo mole, ficou parado em campo ou qualquer coisa do tipo. Quando marcou o gol fiquei muito feliz e, a comemoração me emocionou mais do que o gol em si.
Aproveito ainda a oportunidade pra pedir desculpas ao Washington - tenho-no cornetado muito por ele perder muitos gols - mas ele tem se mostrado além de um matador, um jogador extremamente útil ao time e solidário aos companheiros, dentro e fora de campo. Seria muito injusto e insensato não reconhecer isso na semana de seu aniversário! Parabéns, Washington, Dagoberto e todo mundo que de uma maneira ou de outra está ligado ao tricolor mais querido do Brasil!

Créditos da imagem: Agência Estado

2 comentários:

rodrigo disse...

obrigado pelos parabéns. kkkkkk

Wash consagrou (tentou pelo menos) o Dagol hoje.

Era o jogo pro Dagofeio pinta e bordar.

Fiquei feliz pelo gol, tira um peso de cima do rapaz.

E ruma a liderança.

Será será será ...

Claudio disse...

Eu fiquei puto na hora que ele perdeu os gols. Ele é muito lutador em campo quem assiste os jogos no estádio vê como ele joga.

Mas c o SP tivesse perdido ou empatado uma grande culpa cairia sobre ele.

E sobre o Washington sem dúvida o cara é matador, várias partidas temos ganhado com sua ajuda e é muito voluntarioso.